Para atingir a melhor precificação e aumentar o potencial das vendas, é importante considerar os seguintes pontos:

1. Valor médio de frete: como o frete varia de acordo com a localização do consumidor final, e incide no cálculo da comissão e do repasse, avalie o valor no momento da precificação. No site dos Correios é possível fazer simulações que ajudam a chegar em um valor médio de frete para considerar na precificação.

2. Comissão olist: assim como os marketplaces, o olist cobra comissão sobre o valor total do pedido, ou seja: valor do produto + frete. Por isso, leve em consideração o valor da comissão na hora de definir o preço de venda.

3. Verifique se o preço do produto está de acordo com o praticado dentro dos canais: faça uma pesquisa pelo seu produto na internet, compare os preços e veja se o seu está dentro do padrão. Avalie também todos os seus custos fixos e variáveis, bem como impostos a serem recolhidos.

4. Se os produtos tiverem um ticket médio abaixo de R$13,00, adote a estratégia de vender kits. Estude combinações de produtos. Quais itens seus consumidores compram junto? Considere se é um produto em que são compradas mais de uma unidade por vez, assim você atende a demanda e terá um melhor preço para trabalhar.

Seguindo estes passos, você terá um preço final competitivo e com maiores chances de vendas.

Encontrou sua resposta?