Seja na revenda de produtos ou para o comércio de itens de fabricação própria, a geração de EANs é fundamental para anunciar nos marketplaces. Produtos sem códigos de barras perdem visibilidade e podem não ser publicados nos canais parceiros.

Por isso é importante que seus produtos sejam cadastrados na plataforma com EAN, mas também é possível cadastrar produtos sem códigos de barras, acesse este artigo para saber como.


Caso o produto seja de fabricação própria, distribuição ou importação e ainda não tenha registro de EAN, é necessário que seja gerado um código de barras no Cadastro Nacional de Produtos (CNP).

Siga os passos para conseguir a filiação e fazer a geração:

  1. Faça o cadastro online e preencha o formulário com as informações da sua empresa;
  2. Envie os documentos para análise e assine o contrato digitalmente;
  3. Realize o pagamento do boleto que será enviado por e-mail;
  4. Você receberá um link de acesso ao Cadastro Nacional de Produtos (CNP) e poderá gerar os códigos de barras;
  5. Se preferir, acesse o GS1 para consultar preços e condições de filiação.

Com o código de barras registrado, os produtos poderão ser cadastrados no olist e estarão disponíveis para venda.

*A GS1 Brasil - Associação Brasileira de Automação é a única organização responsável pela atribuição da Licença para Codificação de Itens Comerciais (código de barras) e atende de micro a grandes empresas e empreendedores individuais em todo o Brasil com soluções aplicadas mundialmente.

Artigo relacionado: Tudo o que você precisa saber sobre códigos de barra (GTIN e EAN)

Encontrou sua resposta?