Os Correios utilizam em certos momentos o peso dos pacotes medido em balança, e em outros, o peso cúbico que vem das dimensões da embalagem. Saiba quando é usado cada um deles e deixe o frete mais barato, quando possível.

O peso cúbico serve para se levar em conta o custo de transporte devido ao tamanho das encomendas transportadas, e não apenas o seu peso de balança. Por este motivo, adota-se o peso cúbico como uma forma de equilibrar a relação peso x espaço ocupado pela carga transportada, e que já constitui prática de mercado no transporte aéreo do Brasil e do exterior.

Para se chegar ao peso que precificará o frete é necessário seguir os seguintes passos:

  1. calcule o peso cúbico;
  2. verifique se o peso cúbico está acima de 5 kg;
  3. obtenha o maior valor entre o peso cúbico e o real (se preciso).

O cálculo do primeiro passo é feito com a equação:

peso cúbico = (C x L x A) / 6000

Onde:

C = comprimento do objeto (em centímetros)
L = largura do objeto (em centímetros)
A = altura do objeto (em centímetros)
6000 = coeficiente resultante da relação entre peso e volume mais adequada e comercialmente justa à cubagem de aeronaves, conforme recomendado pela IATA, entidade internacional que congrega as empresas aéreas.

Após o cálculo, é verificado se o resultado está acima de 5 kg ou não. Se não estiver acima, será atribuído o peso de balança. Porém, se o peso cúbico for maior do que 5 kg, valerá o maior valor na comparação entre o peso cúbico e o de balança. Outras transportadoras também operam com regras similares. Os exemplos a seguir ajudam a compreender melhor o conceito:

Exemplo 1
Encomenda com as dimensões de 40 cm x 30 cm x 20 cm e um peso de balança 9 kg. A conta 40 cm x 30 cm x 20 cm / 6000 é igual a 4 kg cúbicos, que é menor do que 5 kg, portanto, será cobrado o peso de balança de 9 kg.

Exemplo 2
Encomenda com as dimensões de 60 cm x 30 cm x 20 cm e um peso de balança 9 kg. A conta 60 cm x 30 cm x 20 cm / 6000 é igual a 6 kg cúbicos, que é maior do que 5 kg, portanto, compara-se com o peso de balança e usa-se o maior entre eles. Neste caso, será precificado pelo peso de balança de 9 kg.

Exemplo 3
Encomenda com as dimensões de 60 cm x 30 cm x 20 cm e um peso de balança de 2 kg. A conta 60 cm x 30 cm x 20 cm / 6000 é igual a 6 kg cúbicos, que é maior do que 5 kg, portanto, compara-se com o peso de balança e usa-se o maior entre eles. Neste caso, será precificado pelo peso cúbico de 6 kg.

Agora é conhecido se é o peso de balança que impacta o frete, o que possivelmente pode ser otimizado com uma embalagem mais leve, ou se são as dimensões, que por sua vez pode ser resolvido com uma embalagem menor. Para mais detalhes sobre a precificação, acesse o site dos Correios.

Encontrou sua resposta?